Sexta-feira, 14 de Outubro de 2005

Diferenças Sexuais - HOMEM

Zonas erógenas

No corpo humano há regiões particularmente sensíveis à estimulação erótica, à sensação de bem-estar e de relaxamento. Aquelas regiões, que na maioria dos indivíduos causam excitação quando tocadas, são chamadas de zonas erógenas. São os órgãos genitais, o seu entorno e outras áreas como coxas, nádegas, nuca, etc. As zonas erógenas com numerosos terminais nervosos tendem a ser bastante sensíveis; outras que os possuem em menor quantidade tendem a provocar relaxamento muscular, arrepios ou sensações de tranqüilidade. É normal que determinadas zonas erógenas sejam importantes e agradáveis para uma pessoa e em outra não provoquem qualquer estímulo ou sejam desagradáveis.

As zonas erógenas são também chamadas de áreas do prazer. Foram descritas desde os clássicos manuais de sexo como o Kama Sutra, o Ananga Ranga, o Jardim Perfumado e na literatura erótica ocidental que aflorou a partir do século XVIII.

No Ocidente a cultura do sexo ainda é bastante genital, remetendo imediatamente à penetração. Isto resulta, para muitos casais, em uma vida sexual empobrecida e prazer insatisfatório. A estimulação das zonas erógenas antes e durante o ato sexual, é uma das formas de viver a sexualidade como uma expressão lúdica, em que dar e receber prazer é uma etapa essencial.

A carícia no corpo do parceiro é um ingrediente básico para uma relação sexual satisfatória. Porém, nem sempre ambos querem a mesma coisa; o que agrada a um, pode não agradar ao outro. Todavia, a intensidade, rapidez e o tipo do toque geram inúmeras reações, indo do extremamente prazeroso ao desagradável. Conhecer seu próprio corpo e o do parceiro é muito importante para explorar as sensações de prazer que o sexo pode proporcionar. É fundamental saber perceber e identificar exatamente o que desperta excitação sexual no parceiro. Alguns relatos mostram que uma mulher ou um homem podem chegar mais rapidamente ao orgasmo quando manipulam sozinhos seus órgãos genitais, uma vez que conhecem o próprio corpo e sabem como tocar, acariciar ou se estimular. Por isso, os jogos eróticos e as brincadeiras do casal, são momentos importantes para que um parceiro conheça a resposta do corpo do outro aos estímulos que lhe faz.

Zonas Erógenas Primárias

São os órgãos básicos e mais primitivos da excitação sexual. Bastante sensíveis ao toque, podem ser excitados em segundos, mas há homens que, por terem esses órgãos extremamente sensíveis, não sentem prazer quando tocados imediatamente, preferindo ser excitados por carícias preliminares em outras partes do corpo.

Próstata

A estimulação da próstata equivaleria, segundo pesquisas, ao prazer que a mulher sente quando o chamado ponto G é manipulado. Para alcançar a próstata, parceira ou parceiro devem inserir um de seus dedos no ânus do homem e percorrer o início do reto, ou massagear o períneo. Na cultura latina há um forte preconceito a qualquer estimulação que envolva a região anal do homem, por estar socialmente associada a uma técnica praticada por homossexuais homens. Há também mulheres que podem ficar em dúvida quanto à preferência sexual do parceiro, se este gostar da estimulação anal. Mas trata-se apenas de condicionamento psicossocial de comportamento sexual imposto ao homem, não tendo qualquer influência em sua orientação sexual.

Glande do Pênis

O equivalente ao clitóris no homem é a glande do pênis, que pode ser estimulada a partir do sexo oral ou do toque. O pênis é órgão de grande sensibilidade no homem, sobretudo na glande, onde estão o frênulo e o prepúcio, que é a dobra cutânea que a recobre. O prepúcio responde às carícias e à fricção contra a glande, desencadeando a ereção e o orgasmo. No prepúcio existem receptores sensoriais chamados corpúsculos de Meissner, que ajudam o homem a desfrutar o sexo por mais tempo sem ejacular, pois informam ao cérebro o momento de ocorrer a ejaculação.

Zonas Erógenas Secundárias

São as partes do corpo que primeiro intervêm no início da excitação sexual, talvez por serem as primeiras a serem vistas e mais acessíveis ao toque.

Boca

Além de sua atratividade e beleza, a boca tem uma enorme capacidade para dar e receber prazer, com um alto grau de simbolismo sexual, como o toque das línguas, em que a saliva é análoga à lubrificação dos órgãos genitais e a língua é análoga à penetração genital e anal. No homem, olhar o beijo de uma mulher excitada pode levá-lo à associação com o coito, pois os lábios orais desta umedecem, enrijecem e incham, similares aos lábios vulvares. Esta associação no imaginário masculino tem feito crescer nos últimos anos a valorização dos lábios carnudos em modelos, em atrizes, em games protagonizados por heroínas e até nas histórias em quadrinhos.

Orelhas

São irrigadas por uma rede vascular que permite ao homem sentir as reações fisiológicas de frio e de calor excessivo. A região de trás das orelhas também é rica em terminações nervosas o que lhe dá um alto grau de sensibilidade. Geralmente é acariciada com a língua, por sua umidade e facilidade de variar de temperatura mediante consumo de produtos gelados ou quentes, o que proporciona sensações renovadas no homem. Pode também ser mordiscada, beijada e tocada suavemente com as pontas dos dedos.

Nariz e Olhos

Transmitem e recebem sinais de sensualidade. Nas emoções, os olhos começam a brilhar e as pupilas se dilatam, se movem de maneira sensual e se fixam nos olhos da pessoa desejada, levando o casal à intimidade. No nariz, o olfato tem muita sensibilidade aos perfumes.

Pescoço e Nuca

Como outras zonas erógenas, o pescoço e a nuca contêm muitas terminações nervosas. Ao ser acariciada suavemente, a nuca pode proporcionar relaxamento ou excitação. A nuca transmite uma sensação de confiança a quem recebe a carícia e de ternura a quem proporciona.

Axilas

É uma área que pode exercer atração. Algumas mulheres se sentem atraídas porque as axilas estão raspadas, já para outras, é melhor que não estejam.
Além da propriedade de atrair o interesse, as axilas masculinas podem ser estimuladas por beijos e massagens.

Umbigo e Abdômen

Permite uma série de sensações sexuais quando estimulados pela boca, língua e dedos. O grau de excitação tende a aumentar na medida em que as carícias se aproximem dos órgãos genitais.

Nádegas

Exercem atração e são bastante receptivas a carícias. Há uma tendência a preferir nádegas firmes e compactas. Apertá-las, mordiscá-las, massageá-las e beijá-las costuma ser muito excitante, porém há homens que reprimem o prazer por vinculá-las à região anal.

Coxas

A parte mais sensível das coxas é o lado interno próximo aos órgãos genitais. O desejo é despertado por meio de carícias e beijos nesta região.

Tornozelos, Panturrilhas e Pés

A estimulação dessas áreas pode ser muito excitante nos homens. Os pés possuem conexões nervosas com outras partes do corpo, e quando estimulados, podem trazer sensações prazerosas que são distribuídas. A planta e os dedos dos pés geralmente são os mais sensíveis ao toque, aos beijos e outras carícias.

Ânus

A área externa do ânus é altamente estimulável, pois sua origem ectodérmica é a mesma da glande no homem e do clitóris na mulher. Possui terminações nervosas procedentes de regiões cerebrais do prazer e orgasmo. Pode ser estimulado em seu entorno, com beijos e toques com os dedos, ou internamente, até alcançar a próstata, por meio da introdução do dedo da mulher ou do pênis de um parceiro. No Oriente, um dos jogos sexuais que mais agrada aos homens é que sua parceira saiba estimular com os dedos esta pequena glândula.

Períneo

Localiza-se entre o ânus e o saco escrotal, por isso é associado a uma ponte entre o prazer genital e anal. No períneo pode-se estimular a próstata, colocando um ou dois dedos atrás do saco escrotal e fazendo movimentos breves e ritmados.

Púbis

Tal como o lado interno das coxas, o púbis é bastante sensível a carícias e beijos.

Mamas e Mamilos

As mamas e suas auréolas são muito sensíveis ao toque, de forma que acariciá-las, massageá-las, apertá-las, mordiscá-las e beijá-las suavemente pode ser muito excitante. Quando há estimulação, os mamilos se incham e aumenta a pigmentação das auréolas.

*Museu do sexo(Sala sexo e ciências)

publicado por vagueando às 14:11
link do post | comentar | favorito
|
10 comentários:
De Anónimo a 18 de Outubro de 2005 às 11:21
teu blog ta mt mt lindo ....ta incrivel...continua adorei teu blog bjs fika bem
Sei,
Que mesmo sem você
As estrelas vão brilhar,
A lua vai aparecer
O sol vai nascer
Vou novamente me apaixonar,
O mundo não vai parar de girar
Os sonhos não vão deixar de existir
Sei que mesmo sem você
Vou ter que viver,
Vou ter que sonhar,
Vou ter que crescer.
O tempo não volta,
O tempo não para,
O tempo só passa
A fisionomia se muda
O olhar a acompanha.
Sei que,
Podem anos se passar
Pois jamais vou conseguir
deixar de...
marta
</a>
(mailto:marta_ribeiro21@hotmail.com)


De Anónimo a 15 de Outubro de 2005 às 02:07
Peço desculpa por invadir a casa nesta hora tardia mas vim desejar um bom fim de semana e informar que alguns dos textos do desafio já estão no "ar". Bjks e bom fdsbitu
(http://bitu.blogs.sapo.pt)
(mailto:bitu_52@sapo.pt)


De Anónimo a 14 de Outubro de 2005 às 20:43
Carlos e Ana, esta prova da vossa amizade é linda! Parabéns Ana, mina linda Ana Luar o Carlos merecia. Parabéns a Ambos e o meu beijoMaria Papoila
(http://apapoila.blogs.sapo.pt)
(mailto:msantosilva@sapo.pt)


De Anónimo a 14 de Outubro de 2005 às 16:52
Pois o mais importante é amar, mas às vezes amar é dificil...lembram-se de um filme da minha adolescência que se chamava "Este difícil Amor"? Parece, mas as coisas não mudaram tanto assim por cá...mais liberdade mas informação, quase nenhuma. Força aí! BeijoMaria Papoila
(http://apapoila.blogs.sapo.pt)
(mailto:msantosilva@sapo.pt)


De Anónimo a 14 de Outubro de 2005 às 14:21
Quanta informação, mas nada é tão importante como conhecer o parceiro/a... No entanto, junte-se o útil ao agradável! Beijoeu
</a>
(mailto:carmoroby@hotmail.com)


De Priscila a 23 de Agosto de 2008 às 21:19
Nossa, muito bom o texto..
Ainda não encontei nada tão completo na internet

Valeu!


De Felipe a 28 de Maio de 2011 às 07:28
Com esse site consegui aprender a dar mais prazer a minha ficante


De Felipe a 28 de Maio de 2011 às 07:34
É sempre bom achar sites como este na net as informaçoes sao muito concretas e as explicaçoes muito sabias adorei bjs a todos q visitarem o site : )


De Felipe a 28 de Maio de 2011 às 07:36
É sempre bom achar sites como este na net as informaçoes sao muito concretas e as explicaçoes muito sabias adorei bjs a todos q visitarem o site : )


De Felipe a 28 de Maio de 2011 às 07:37
É sempre bom achar sites como este na net as informaçoes sao muito concretas e as explicaçoes muito sabias adorei bjs a todos q visitarem o site : )


Comentar post