Terça-feira, 1 de Novembro de 2005

O CHARME do Planeta

marylena3-thumb.gif (homenagem à MULHER)

Um dia,

 o Grande Arquitecto

Do infinito universo

Viu que estava incompleto

 O seu plano de sucesso.

Criara o céu, as estrelas,

 Galáxias em quantidade,

 Mas tudo isso não tinha

Nem charme, nem vaidade.

Alguma coisa faltava

No espaço sideral,

E o Mestre não descansava

Pra descobrir tal e qual...

Até que fez um planeta

Escuro e frio,

com certeza,

Mas nele também faltavam

 Charme,

elegância e

beleza...

Querendo o Mestre

deixar A sua obra em perfeição,

Desanuviou o planeta,

Tirando-o da escuridão.

Nele colocou florestas,

Mares,

 rios,

 animais,

Mas ainda lhe faltavam

 Charme e

 dotes sensuais.

 Deu-lhe o nome de terra

O Arquitecto Escultor;

Encheu os rios,

as serras;

Um paraíso formou.

Daí, como todos sabem,

Querendo mais esplendor,

Fez um homem de saibro

No qual seu rosto gravou.

 O projecto estava acabado,

 Contemplava o Criador.

Mas era algo seco, escuro,

Sem cheiro e sem sabor;

Sem charme e sem beleza,

Sem ternura, sem leveza;

De novo viu Sua Alteza

Que alguma coisa faltou.

 Inquieto,

o Mestre queria,

Pra sua obra embelezar,

Delicadeza,

poesia...

E algo pro homem amar.

Pois dele tirou uma costela

E fez a coisa mais bela,

Que foi uma linda Donzela

Pra sua obra coroar.

 Criou o charme da terra,

 Uma luz incandescente.

E o seu projeto se encerra,

Sorriu Deus de tão contente.

 E acredite se quiser...

Deu-lhe o nome de MULHER,

E ainda tem homem que não quer De Deus divino presente.

Não importa a sua idade,

A cor, a raça e tudo o mais.

A mulher é a mais completa De todos os animais.

Todos os homens lhe rendem Homenagem e devoção,

Pois só ela tem de Deus O Dom da procriação.

*José Pedro Frazão (membro efectivo da Academia Sul-Mato-Grossense de Letras)

publicado por vagueando às 22:56
link do post | comentar | favorito
|
15 comentários:
De Anónimo a 2 de Novembro de 2005 às 22:34
A mesma terra, o mesmo céu a envolvê-la, o mesmo mar a agitarem-na, os mesmos rios e as suas frondosas margens, as mesmas aves e os seus cantos, outros cantos doutras aves, eu não gostaria de ser mulher senão te tivesse a ti que és homem para me dizeres que a mulher é linda é fonte de prazer, fonte de amor e refexo de beleza.Acredita! só há uma mulher linda se tu lhe disseres com o teu geito de ser homem , que vale a pena ser mulher!fernanda
</a>
(mailto:fernandaragonez@hotmail.com)


De Anónimo a 2 de Novembro de 2005 às 21:59
A frase que eu gostei mais foi :A mulher é a mais completa de todos os animais :)))Só por causa de José Pedro Frazão ter dito isso e tu teres escolhido merecem os dois um beijo:)
gaivotadaria
(http://GaivotadaRia.blogs.sapo.pt)
(mailto:bgaivota@sapo.pt)


De Anónimo a 2 de Novembro de 2005 às 21:02
Gostei do poema porque homenageia bem as mulheres e a musica de fundo tambem é muito gira. Há muitos anos que não a ouvia. and your blog seduces me lol. beijosPaula
(http://anapaula.blogs.sapo.pt)
(mailto:paulinhamad@hotmail.com)


De Anónimo a 2 de Novembro de 2005 às 20:17
tu deixas-me vaidosa por ser Mulher...fico nem imaginas como em saber que existem homens que nos olham alem de um pedaço de carne ...é simplesmente lindo esse poema em homenagem´`a mulher...obrigada Carlos!Ana Luar
(http://aromademulher.blogs.sapo.pt/)
(mailto:luar_zita@msn.com)


De Anónimo a 2 de Novembro de 2005 às 19:14
que linda homenagem à Mulher!nina
(http://)
(mailto:matos_nina@hotmail.com)


De Anónimo a 2 de Novembro de 2005 às 17:25
Olá. Adorei este poema. Está lindo e é uma bela homenagem às mulheres. Não sei ainda porque existem homens que nos desprezam. Afinal do que seriam voçês sem mulheres. É verdade, este planeta não seria completo sem nós. Para quê discordar? BjsCélia
(http://celia.blogs.sapo.pt)
(mailto:celiaclaro_7@msn.com)


De Anónimo a 2 de Novembro de 2005 às 15:43
Lindo demais, obrigado pela parte que me toca. um beijoinconfidente
(http://inconfidencias.blogs.sapo.pt)
(mailto:inconfidencias@sapo.pt)


De Anónimo a 2 de Novembro de 2005 às 14:19
Oi Carlos voltei para me maravilhar com os teus poemas,bonita homenagem á Mulher.Que Deus te abencoe,desejo-te uma óptima semana,beijos em seu coração.lena
(http://blogdalena.blogs.sapo.pt)
(mailto:leninha_631@hotmail.com)


De Anónimo a 2 de Novembro de 2005 às 14:12
A mulher como fonte de vida é algo de uma beleza incontornável. Redutor enquanto única razão de homenagem, no entanto nada a escarnecer, visto que somos tão pouco saudadas!!! Fica bem,eu33
(http://enigmasolitarios.blogs.sapo.pt)
(mailto:biquinha@sapo.pt)


De Anónimo a 2 de Novembro de 2005 às 10:45
Lindíssimo poema de homenagem à MULHER! "Antes Eva que serpente..." BEIJOMaria Papoila
(http://apapoila.blogs.sapo.pt)
(mailto:msantosilva@sapo.pt)


Comentar post